Produção de Cerveja Artesanal

Produção de cerveja artesanal

As cervejas artesanais estão ganhando espaço significativo no mercado. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no mês de setembro de 2017 a cerveja está entre os dez produtos de maior valor de vendas da indústria no Brasil. Devido a gama de variedades e possibilidades, empreender neste mercado por meio de uma receita personalizada gerará altos rendimentos e maior competitividade.

A base de todos os tipos de cervejas é água, malte, lúpulo e levedura. A produção pode ser realizada por qualquer pessoa que queira investir no mercado, desde que tenha os equipamentos, insumos necessários e cuidados para não haver contaminação da bebida.

 

Quais são as etapas do processo?

 

  1. Definição do estilo e elaboração da receita – Nesta etapa é necessário pesquisar a viabilidade da receita. Além do processo de formulação da receita que atendem aos requisitos de densidade inicial e final, teor alcoólico, cor e amargor.
  2. Mosturação – A próxima etapa consiste em moer e hidratar o malte e ativar suas enzimas para conversão do amido em álcool. É necessário ter amplo controle da temperatura e atividade enzimática para obter uma boa qualidade.
  3. Clarificação – Aqui, ocorre a filtração do mosto para deixar a cerveja mais límpida. Em seguida é feita a lavagem para o proveito dos açúcares residuais.
  4. Fervura – A fervura é o processo onde ocorre a caramelização de açúcares e esterilização do mosto. São adicionados os lúpulos e inativadas as amilases e proteases. É necessário ter conhecimento aprofundado da receita para o desenvolvimento do processo de fervura, além da preocupação dos resíduos formados no processo como os flocos “turb”.
  5. Fermentação ­– É preciso resfriar o mosto até a temperatura de fermentação. Esta temperatura é de acordo com o tipo de cerveja que se deseja produzir. Após ocorre a fermentação durante um certo período e a uma temperatura controlada.
  6. Maturação – A última etapa consiste em armazenar a cerveja em baixas temperaturas. Essa etapa é fundamental para que a cerveja atinja o seu equilíbrio conferindo a cerveja o aroma e sabor característico. Em seguida, a cerveja é envasada e enviada para o mercado.

Qual a importância de conhecer bem o processo?

 

Para impactar o mercado é necessário ter um processo amplamente estruturado e com uma receita bem formulada que atenda às necessidades dos consumidores deste tipo de empreendimento que cresce 39,6%, segundo o MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Interessou-se pelo processo e quer produzir uma cerveja inovadora e com potencial para mercado? A ConsultEQ possui ambiente tecnológico à disposição e fornece serviços especializados na área de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) para que sua produção seja altamente rentável.

Entre em contato conosco via e-mail ([email protected]) ou através do número de telefone (34) 3239-1311 e agende uma visita gratuita. Vamos gerar valor juntos!

 

Escrito por: Felipe Delsim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.