Por que é necessário tratar água de caldeira?

A caldeira é um dos equipamentos mais comuns em processos industriais, por ter a função de produzir vapor, seja como forma geração energia para outros equipamentos ou como fonte de aquecimento de sistemas. O vapor é gerado pelo deslocamento de água em tubos que são instalados na passagem de gases quentes, os quais são produzidos pela queima de um combustível.

Mas em que a qualidade da água, afeta na minha caldeira?

  • Formação de incrustações

Uma água com certa concentração de sais e substâncias dissolvidas ou suspensas produzirá precipitado ao atingir a temperatura de saturação das impurezas. O que formará assim, uma camada muito dura e aderente nas superfícies dos tubos onde circula a água. Essa camada prejudicará a transferência de calor. Portanto a incrustação leva a uma queda na produção de vapor e a um consequente aumento no gasto de combustível. Podendo causar até o rompimento das tubulações e graves acidentes.

  • Corrosão

Esse fenômeno é caracterizado pela deterioração do material e originado pela reação de gases dissolvidos na água que circula na tubulação com o metal do equipamento. Além do desgaste dos tubos, que vão necessitar de manutenção, os produtos das reações de corrosão também podem originar incrustações.

 

Não espere o problema ocorrer para consertá-lo! O custo pode sair muito mais caro depois, não somente em valores físicos, mas à segurança de seus funcionários.

Sendo assim, fazer um tratamento da água que alimenta uma caldeira é essencial para a segurança, o bom funcionamento e alto rendimento de um processo. A ConsultEQ pode te ajudar a determinar o tratamento adequado para garantir isso. Entre em contato e solicite um diagnóstico gratuito!

 

Escrito por: Mariana Guimarães

 

Call to action