Cerveja artesanal – Da fabricação ao mercado consumidor.

As cervejas artesanais estão ganhando espaço significativo no mercado.

Segundo dados oficiais, o número de cervejarias no Brasil cresceu 91% nos últimos três anos. Além do mais, a cerveja está entre os dez produtos de maior valor de vendas da indústria brasileira, conforme informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Devido essa gama de variedades e possibilidades, os interessados em empreender neste mercado podem entrar por meio de uma receita personalizada da sua cerveja. A qual poderá gerar altos rendimentos e uma maior competitividade entre os fabricantes.

Podemos dizer que a cerveja possui uma receita simples e é por esse motivo que entra facilmente no gosto dos fabricantes.

Isto é, a base de todos os tipos de cervejas é simples, e são:a  água, o malte, o lúpulo e a levedura. A produção pode ser realizada por qualquer pessoa. Desde que essa pessoa queira investir nesse mercado e possua os equipamentos, os insumos necessários e higiene acima de tudo, para não correr riscos de contaminação da bebida.

Quais são as variedades de cervejas?

Falemos do primeiro passo para a produção de uma cerveja artesanal. Ela consiste basicamente em conhecer os estilos de cervejas e nas pesquisas de viabilidade da receita desejada.

Além de conhecer o processo de formulação que atendam aos requisitos desejados de teor alcoólico, cor e amargor. Conclui se que existem muitas possíveis variações de cervejas.

Os tipos de cerveja referem-se a família a que pertencem e também sobre o seu processo de fabricação.

Elas podem ser classificadas em Ales e Lagers e o que as diferenciam são a fermentação, sua coloração (clara ou escura) e o seu teor de álcool.

As cervejas Lagers possuem fermentação mais fria o que reduz a produção de éteres e outros componentes de sabor. Por isso, em geral, o paladar é mais leve. No caso das Ales, são do tipo de alta fermentação e, por isso, tem sabor mais forte.

Já os estilos e sub estilos referem-se ao padrão de combinar estes elementos e as suas formas de preparo.

 

 Quais são as etapas do processo?

  • Moagem do malte – O objetivo dessa etapa é quebrar a casca do grão liberando o endosperma, presente no interior dos grão do malte, que são ricos em amido e proteínas.
  • Mosturação – Essa é a etapa a qual ocorre a mistura do malte moído com a água aquecida a 65ºC aproximadamente. Dessa forma com o intuito de ativar suas enzimas para conversão do amido em álcool. Dessa forma é necessário ter um amplo controle da temperatura e da atividade enzimática para se obter uma boa qualidade.
  • Clarificação – Nessa etapa ocorre a filtração do mosto para deixar a cerveja mais límpida. Em seguida é feita a lavagem que retirarão o proveito dos açúcares residuais.
  • Fervura – A fervura é o processo o qual ocorre a caramelização de açúcares e esterilização do mosto. São adicionados os lúpulos e são inativadas as amilases e as proteases. Portanto é necessário ter um conhecimento aprofundado da receita para o desenvolvimento do processo de fervura, além da preocupação com os resíduos formados no processo como os flocos “turb”.
  • Fermentação ­– Nessa etapa do processo de fabricação é preciso resfriar o mosto até a temperatura de fermentação. Essa temperatura é medida de acordo com o tipo de cerveja desejada na produção. Após ocorrer a fermentação durante um certo período e o controle da temperatura.
  • Maturação – A última etapa consiste em armazenar a cerveja em baixas temperaturas. Essa etapa é fundamental para que a cerveja atinja o seu equilíbrio conferindo a cerveja o aroma e sabor característicos. Em seguida, a cerveja é envasada e enviada para o mercado.
  • DryHopping – processo de adicionar lúpulos após a fermentação.
  • Envase

 

E Como está o mercado cervejeiro atual?

O Brasil é um dos maiores consumidores de cerveja do mundo.

A média anual de litros consumidos por habitante cresce a cada ano. Com isso, o despertar para as cervejas artesanais aumentou.E  Também o aumentou o interesse em investir nesse mercado, que cresce cada dia mais no Brasil.

Essa cadeia produtiva vem movimentando R$ 74 bilhões de reais, respondendo por 1,6% do PIB nacional e 14% da indústria de transformação, segundo dados da Fundação Getúlio Vargas para a Associação Brasileira da Indústria da Cerveja.

Mesmo com o cenário do país em crise, esse setor tem crescido exponencialmente. Apenas no primeiro semestre de 2017 foram abertas 91 fábricas e o estímulo à comercialização da cerveja aumentou. O que tem sido crucial, pois contribui para que um maior número de pessoas comecem a produzir e a ganhar dinheiro com a produção de cerveja artesanal, ou seja com seu próprio empreendimento.

 

E Qual a importância de conhecer bem o processo?

Para poder impactar o mercado atual é necessário ter um processo amplamente estruturado e com uma receita bem formulada que atenda às necessidades dos consumidores.

A gestão de conhecimento do seu processo pode auxiliar sua empresa em qualquer fase de existência e independente de seu porte. Desde o recebimento da matéria-prima e das informações necessárias para dar inicio ao processo, até a saída do produto para a venda. são muitos os procedimentos para se obter um produto de qualidade.  Assim, na saída espera-se que o cliente perceba a qualidade do que foi feito por ele.

Porém, para que tudo ocorra de forma eficiente e eficaz é necessário o monitoramento e controle de todo o processo.

Portanto, conhecer bem os processos de fabricação de cerveja levará você a criar uma boa receita. Tornará você um melhor especialista em fabricação e dessa forma possibilitará com que conquiste o mercado consumidor que mais vem crescendo no país.

 

Você ficou interessado nesse mercado?

A ConsultEQ possui um ambiente tecnológico adequado a produção de cerveja à disposição, e fornecem serviços especializados na área de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) para que sua produção seja altamente rentável e inovadora.

ConsultEQ é uma empresa júnior que realiza projetos de consultorias na área de Engenharia Química para empresas, entidades, e sociedade em geral. Portanto a ConsultEQ pode te ajudar a empreender no mercado das cervejas artesanais.

Contamos com preços acessíveis e a baixo do mercado e com uma equipe especializada e preparada para tornar o seu sonho realidade.

Estamos localizados na cidade de Uberlândia no estado de Minas Gerais dentro da Universidade Federal de Uberlândia campus Santa Mônica,

Portanto entre em contato conosco e marque a sua visita.

Escrito por: Maria Paula