Boas práticas de fabricação.Por que adotar?

O que são as boas práticas de fabricação?

As boas práticas de fabricação (BPF) são práticas obrigatórias reconhecidas mundialmente para qualquer tipo de produção. Entre elas, está a produção de alimentos, de medicamentos, entre outros. As BPF devem estar de acordo com as legislações vigentes e com os órgãos que regulam os padrões mínimos de qualidade a ser seguido. Contudo garantir a segurança de seus produtos, mantendo-os livres de contaminações e consequentemente, a segurança dos consumidores.

Princípios básicos

As normas que regem as Boas Práticas de Fabricação vão desde as instalações industriais. Dessa forma passando por regras de higiene pessoal e limpeza e conservação do local de trabalho. Como também a descrição, por escrito, dos procedimentos envolvidos no processamento do produto.

A aplicação das BPF acarreta em numerosos benefícios. Tais como privar a empresa de multas, permitir um melhor controle de qualidade dos produtos, evita desperdícios descontrolados (matérias primas, energia e água), diminui a periodicidade de acidentes de trabalho e por fim, a questão de maior interesse para os produtores, a confiança dos consumidores.

A ANVISA, que é o órgão responsável pelo setor alimentício, exige a aplicação e documentação das BPF.

Por que adotar as BPF?

Como dito anteriormente, as BPF trazem benefícios para a empresa e pode ser o diferencial do seu negócio.

Além disso, as BPF são obrigatórias, por decretos de leis para todos os produtores (grandes ou pequenos), os estabelecimentos que não estão regularizados estão sujeitos a receber multas, sofrer interdições e até o fechamento dos mesmos.

Nós da ConsultEQ temos pleno conhecimento sobre as boas práticas da fabricação, com a vantagem de contarmos com preços inferiores ao do mercado comum, por sermos uma empresa júnior. Entre em contato conosco!

 

 

Escrito por: Marina Sakomoto