5S: A Metodologia da Produtividade

5S, a metodologia que atualmente engloba os 5 sensos, é implantada nas empresas para aumentar sua produtividade. Para tanto, essa ferramenta criada pelos japoneses, procura assegurar a produtividade no ambiente de trabalho e gerar oportunidades para melhoria.

Para saber sobre mais sobre a história do 5S, acesse o site aqui .

 

Mas o que são os 5 sensos?

 

Seiri- Senso de Utilização

Esse senso classifica todos os objetos do ambiente, assim, a partir da análise da utilidade e frequência de uso, os objetos são realocados ou descartados.

Dessa maneira, ficarão no ambiente apenas os materiais necessários para a realização daquela determinada atividade.

Portanto, aqui cabe a pergunta: “Isso ainda é necessário?”. A resposta ajudará muito na tomada de decisão, e otimizará o processo produtivo, visto que apenas materiais necessários estarão no setor e serão de fácil alcance.

Seiton- Senso de Organização

Uma vez implantado o Senso da Utilização, vem o Senso da Organização.

Tal senso, tem como objetivo a predestinação de todos os objetos á um determinado local. Portanto, classifique cada um dos materiais, de maneira que aqueles que são mais utilizados fiquem de fácil alcance.Para que desta forma sejam utilizados imediatamente.

Ademais, crie padrões, e utilize ferramentas que facilite a localização dos materiais, como etiquetas e quadros. Logo, as atividades ocorrerão de maneira mais rápida e efetiva, pois todos os itens necessários serão localizados automaticamente.

Seiso- Senso de Limpeza

O senso da limpeza pretende eliminar toda a sujeira, para gerar um ambiente agradável. Muito mais que isso, um ambiente limpo pode vir a motivar a melhoria nos relacionamentos pessoais, incentivando a transparência e a honestidade.

Á medida que esse senso fica enraizado no local, ele será exercitado todos os dias, pois os funcionários verão a melhoria no clima empresarial, que será mais agradável e leve para todos, melhorando, consequentemente, as relações interpessoais.

Conclui-se, que a partir da implementação desse senso, a qualidade de vida de trabalho dos funcionários aumentará, o que gerará membros motivados e engajados em suas atividades.

Seiketsu- Senso de Padronização

Após a aplicação dos primeiros três sensos, é necessário uniformizar tudo que foi feito e fixar padrões de comportamento para o desenvolvimento das atividades.

Dessa forma, são criadas regras para que tudo o que foi conquistado seja mantido, sendo válido ressaltar que nesse estágio, é indispensável que a empresa tenha enraizado a cultura dos 5 sensos, para que cada um dos funcionários veja sentido na padronização a ser feita.

Nessa fase, geralmente são destinadas a cada funcionário atividades periódicas e de fácil fiscalização, para que a gerência possa acompanhar o processo.

Shitsuke- Senso de Disciplina

Por último, o senso de disciplina tem como objetivo garantir o comprometimento de todos os membros. Assim, cria-se um método para ensinar os novos funcionários sobre a cultura e que motive os antigos funcionários.

Logo, o objetivo desse senso é monitorar e garantir a realização de todos os sensos para que a filosofia seja efetiva. Então, aqui o resultado se mostrará efetivo, pois ficará claro se os funcionários encaram os sensos como dever ou se as atividades já se tornaram naturais do cotidiano.

É recomendado que haja um fiscal para realizar o monitoramento do Shitsuke.

Por quê é importante?

O 5S faz do ambiente de trabalho um ambiente confortável para seus funcionários. Assim, tendo em vista que existem inúmeros recursos a nossa disposição, é necessário saber organizá-los, limpa-los e descarta-los quando preciso.

Dessa maneira, a produtividade cresce e o trabalho em grupo é incentivado.

Benefícios

Conforme é aplicado o 5S, melhorias contínuas são visualizadas no ambiente de trabalho.

Fica evidente o desenvolvimento dos funcionários, que ficam mais engajados com suas atividades e que por melhorar as relações interpessoais, torna o clima empresarial agradável e incentiva a confiança na equipe.

Ademais, as falhas humanas são minimizadas e ficam mais fáceis de serem visualizadas, além da fácil localização de ferramentas, fatores que englobados contribuem para a otimização dos processos industriais.

Por fim, a implementação dessa cultura fornece bases para a implementação de outros programas de qualidade.

Como é implantado?

Para a implantação desse método nas empresas, é necessário a criação de uma cultura. Dessa maneira, a participação de todos os funcionários é indispensável, pois é preciso que as pessoas estejam convencidas dos benefícios que a metodologia pode trazer.

Portanto, alguns passos devem ser seguidos:

  • Divida a empresa em setores:

Uma vez que são escolhidos os departamentos de maior prioridade, é possível notar o retorno mais rapidamente, e consequentemente deixar os membros mais engajados na implementação.

  • Determine etapas:

Implemente cada “S” conforme sua necessidade. Assim, leve o tempo necessário para que cada funcionário absorva a ideia do senso que está sendo praticado. Ademais, a utilização de quadros de gerenciamento a vista de todos ajuda a visualizar a eficácia  do método.

  • Invista em capacitações:

Treine todos os funcionários da sua empresa/ estabelecimento.

  • Crie equipes ecléticas:

De maneira que os sensos funcionem a longo prazo, é indispensável que todos os funcionários estejam hábeis a localizar falhas e criarem planos de ação para que os 5 sensos continuem otimizando os processos industriais.

  • Mostre os resultados e seja realista:

Tire fotos do ambiente que foi criado. Dessa forma você vai ressaltar a diferença do antes e depois do 5S, valorize aquilo que já foi feito e incentive a conclusão do que ainda está por vir. Mas seja realista, procure estabelecer planos e metas plausíveis para o cotidiano da sua empresa.

E depois de implantado, como manter?

Comece pela liderança. Tendo em vista que os líderes servem de inspiração para sua equipe, a adoção dos sensos deve começar com eles, para que assim o restante dos funcionários sigam o exemplo.

Delegue atividades para todos os membros da corporação, pois isso motivará todos os membros a realizarem suas tarefas para não prejudicar outros membros.

Faça avaliações periódicas para verificar se os membros ainda estão engajados e envolvidos na prática do 5S.

feedbacks aos seus funcionários. Para tanto, mostre o quanto o ambiente de trabalho se tornou melhor para todos, e como o rendimento de cada um dos trabalhadores cresceu.

 

A ConsulEQ (empresa júnior) realiza consultoria na área de Engenharia em empresas, entidades e na sociedade no geral.

O nosso time tem experiência na implementação do 5S. estamos prontos para realizar as mudanças necessárias para tornar o seu ambiente de trabalho o mais agradável possível!

Contamos com preços acessíveis e com uma equipe especializada em propor soluções inovadores.

Estamos localizados na cidade de Uberlândia no estado de Minas Gerais e temos o apoio da Universidade Federal de Uberlândia.

Escrito por Isabela G.

Call to action